Poesia de Amor

Poesia 1:

Eu amo tudo o que foi
Tudo o que já não é
A dor que já me não dói
A antiga e errônea fé
O ontem que a dor deixou,
O que deixou alegria
Só porque foi, e voou
E hoje é já outro dia.

(Fernando Pessoa)

Poesia 2:

Amor em paz

Eu amei
Eu amei, ai de mim, muito mais
Do que devia amar
E chorei
Ao sentir que iria sofrer
E me desesperar

Foi então
Que da minha infinita tristeza
Aconteceu você
Encontrei em você a razão de viver
E de amar em paz
E não sofrer mais
Nunca mais
Porque o amor é a coisa mais triste
Quando se desfaz

(Vinícius de Moraes)

Amanhã

Amanhã

Poesia 3:

Minha Loucura

E se sou ridícula por gritar ao mundo o que sinto,
Que ria de mim aquele que se acha tão distinto.
Eu grito o meu amor pois tenho orgulho de amar
Quem não sabe o que é isso, deveria se envergonhar.
O meu amor pode soar antiquado, cafona ou até exagerado,
Mas quem nunca amou assim, nunca esteve apaixonado.
E se parece que de tanto amar eu fiquei louca,
Saiba que a minha loucura grita até ficar rouca.
Ela grita o quanto ama, grita o quanto o amor lhe faz bem.
Posso ser ridícula, louca ou antiquada, mas te desejo amor também.

(Mariana Siqueira)

Felicidade

Felicidade

Poesia 4:

Esplendor

Fantásticos momentos que juntos passamos,
Plenos de promessas que juntos juramos,
Ricos de ternura, prazer e emoção…
Suspiros intensos, olhares calientes,
Afagos, abraços e beijos, ardentes,
Momentos dourados como o sol de verão.
A brisa que sopra ao entardecer
Que aos outros um pouco de frio vem trazer,
Em nós reacende o desejo, o fervor…
Não existe clima que apague essa chama
Que a nós incendeia, acende, inflama,
Pois nosso amor é puro esplendor!

(Oriza Martins)

Coração

Coração

Poesia 5:

Se amar…
é querer bem a uma pessoa…
Eu te Amo.

Se amar…
é ter carinho por alguém…
Eu te Amo.

Se amar…
é sentir falta de alguém…
Eu te Amo.

Se amar…
é chorar…
como choro por você…
Eu te Amo.

Se amar…
é ter que se sujeitar a ser tratada com frieza…
Eu te Amo.

Se amar…
é estar presente mesmo se sentindo ausente…
Eu te Amo.

Se amar….
é se submeter…
a indiferença…
da outra pessoa…
Eu te Amo.

Poeta

Poeta

Poesia 6:

Você é Minha Luz

Quando meu sol brilhar e a noite escura clarear,
Você ainda será a estrela a brilhar no meu céu,
Mesmo com toda luz solar, ainda será seu brilho a me guiar…
Porque você ainda brilha mais dentro de mim,
Que qualquer luz existente…

Poesia 7:

Amar Uma Mulher

Amar uma mulher não é apenas usufruir do corpo dela.
Não é querer dominá-la como se fosse seu dono.
Amar uma mulher é tratá-la com carinho.
É conquistá-la a todo o momento, levá-la às nuvens.
Amar uma mulher é saber despertar a fêmea que há dentro dela.
Deixar ser ela mesma, conduzi-la e deixar que o conduza.
É fazê-la sentir-se única, mesmo que ela seja…

Coração Partido

Coração Partido

Poesia 8:

Sossega, coração! Não desesperes!
Talvez um dia, para além dos dias,
Encontres o que queres porque o queres.
Então, livre de falsas nostalgias,
Atingirás a perfeição de seres.
Mas pobre sonho o que só quer não tê-lo!
Pobre esperança a de existir somente!
Como quem passa a mão pelo cabelo
E em si mesmo se sente diferente,
Como faz mal ao sonho o concebê-lo!
Sossega, coração, contudo! Dorme!
O sossego não quer razão nem causa.
Quer só a noite plácida e enorme,
A grande, universal, solente pausa
Antes que tudo em tudo se transforme.

(Fernando Pessoa)

Lugar Especial

Lugar Especial

Poesia 9:

Quando o amor toca o coração
Traz um sentimento maior que a paixão
Basta um olhar, um toque e nada mais
Pra fazer feliz como só você me faz

Deus uniu as nossas vidas de uma vez
E cada dia é o primeiro outra vez
Como um primeiro olhar nada nunca vai mudar
Não vai mudar, não vai mudar…

Quando o amor toca o coração
O tempo pára, a vida vira uma canção
E não há nada melhor do que amar você
Eu nunca vou te perder
Foi Deus quem me deu você
É como poder sonhar
E nunca Acordar

Saudade

Saudade

Poesia 10:

Amei

Você que me perturba, me faz guardar sentimentos…
Guardo como um segredo, segredo que me faz feliz…
Feliz por ter você às vezes, às vezes triste por não ter.
Não ter naquela hora, que mais quero, que mais preciso.
Preciso dos teus carinhos, teus lábios, teus braços e teu amor.
Amor que enlouquece, embriaga e enriquece.
Amor que envenena e dói, dói a distância que ainda permanece entre nós.
Distância que ainda continua por um longo tempo.
Tempo terreno, que talvez tenha que existir várias vidas.
Vidas em um outro plano, mas você existe e eu amei você. 

Poesia 11:

Por causa da razão pedi um grande amor,
Por causa da razão fui um grande ganhador,
Perdendo meu grande amor, para ganhar a amizade,
De uma mulher, Por causa da razão aprendi a viver,
Por causa da razão só quero você,
Por causa da razão não quero mais viver,
Por causa de nem sei lá o que não quero abandonar você,
Por causa de mim e de você aprendi a escrever,
Por causa do amor descobrir que não vivo sem você,
Por causa da razão deixei você voar e fugir de mim,
Por causa da sua felicidade deixei você ir!
Mas por causa de ti e de mim me deixe sem ti,
Você aqui mais uma vez bem pertinho de mim! 

Poesia 12:

Soneto do Maior Amor

Maior amor nem mais estranho existe
Que o meu, que não sossega a coisa amada
E quando se sente alegre, fica triste
E se a vê descontente, dá risada.

E que só fica em paz se lhe resiste
O amado coração, e que se agrada
Mais da eterna aventura em que persiste
Que de uma vida mal-aventurada.

Louco amor meu, que quando toca, fere
E quando fere vibra, mas prefere
Ferir a fenecer – e vive a esmo

Fiel à sua lei de cada instante
Desassombrando, doido, delirante
Numa paixão de tudo e de si mesmo.

(Vinicius de Moraes) 

Poesia 13:

O amor é a razão da existência, a razão da vida
Porque sem o amor como cuidaríamos de nós mesmos?
De nossos amigos, parentes, daquela pessoa do nosso coração?
O amor é a razão! Não existe uma razão sem amor!
Porque não existe razão para não amar
O amor é um conforto no sofrimento
É o cobertor no inverno
É o amigo que está ao seu lado
É um sentimento feito para ser eterno
Ah! O amor!
Impossível não conhecer, impossível poder explicar
Mas mais impossível mesmo
É não saber amar
O amor é tão vivo
É tão essencial, quão bom é amar!
Que posso comparar o amor a algo que precisamos
A algo tão precioso quanto o poder respirar
Sentir o amor
Viver o sentimento de forma plena
É o que faz o ser completo
O que faz grande a alma pequena.
Amor, amor, sabe o que é quem tem
Vive quem se deixa levar
Levar-se pelo coração de alguém 

Posts Relacionados

Aproveite e confira mais sobre a obra de diversos autores famosos de poesias, com textos que falam de amor, família e outros temas, como, por exemplo, poesias de consciência negra, entre outros. Para as crianças, temos lindas poesias infantis que trazem ensinamentos importantes de forma lúdica.

Gostou? Curta e Compartilhe!

Categoria(s) do artigo:
Amor

Artigos Recentes

Artigos Relacionados


Artigos populares

Comentários

  • jente esses poemas e a coisas m,ais lindas que eu ja vir

    by= lohane 2 de julho de 2012 16:26 Responder
  • quero ter vc do meu lado

    Wesley 18 de agosto de 2013 16:13 Responder
  • lindos poemas vou copiar e mandar tudo para a minha diva linga e alem de tudo gostoza te amo lauren trindade

    lucio marciel 27 de março de 2014 18:24 Responder

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.