Quando Se Perde um Grande Amor

Dizem que o sentimento da perda é um dos mais complicados de se lidar. A tristeza profunda e a depressão que são algumas das consequências da perda de alguém muito especial são trabalhadas com muita cautela e dificuldade, ainda mais quando tudo isso se relaciona a um grande amor.

Quando Se Perde um Grande Amor

Quando Se Perde um Grande Amor

Seja pela morte ou apenas por ocasião da vida, perder um grande amor faz parte do cotidiano de qualquer ser humano, e sem caminhar nas estradas tortuosas dessa sensação, não se sabe como é realmente estar por esse mundo. Para refletir e ajudar, leia este artigo até o final, considerando alguns pensamentos bastante relevantes para esta ocasião!

Aprendendo Com a Perda

Quando um grande amor chega na vida de cada um, é impossível querer que a sensação boa de estar com quem se ama e retribui o sentimento acabe. Por isso, a perda de um ser humano que proporciona tantos momentos agradáveis pode ser um baque incurável. Para muitos, a memoria sempre permanece, por mais que a vida continue e outros amores tenham chegado pelos caminhos da vida. Ainda assim, muito juram que perder um grande amor é a maior dor que possa existir para o coração,destruindo e modificando a alma, de forma que ela nunca mais volte a ser a mesma.

Apesar de toda a tristeza, vale a pena evar em consideração um fato importante: é possível aprender com a dor da perda e continuar vivendo normalmente apos algum tempo. Uma das formas de levar consigo este aprendizado é aceitando que a vida tem seus altos e baixos, mesmo que a perda de um grande amor seja algo irreparável, como ocorre com a morte.

A Morte de um Grande Amor

Existem duas formas de perder um grande amor e uma delas é através da morte. Quando este fato ocorre na vida, a dor é quase que impossível de se esquecer com o tempo e um trabalho muito cauteloso deve ser feito para que o sofrimento caia no esquecimento com o tempo, mesmo que você ainda sustente o amor nas suas mais profundas lembranças.

Quando um ente querido morre, ainda é possível curar a dor com o passar do tempo e quando o assunto é um amor marcante em sua vida, a dor pode ser arrebatadora, como se a sensação de morrer junto com o seu amor fosse a sua ultima escolha para sobreviver com a dor. O coração pode aguentar tamanho baque quando se aprende ou se acostuma com o fato de que o ciclo da vida é nascer, crescer e morrer. Aprender a aceitar a perda é o primeiro passo para se viver bem e sem culta, mesmo apos o mais trágicos dos acontecimentos.

Perda Por Acaso da Vida

Um outro fato que pode trazer tristeza e sofrimento é a perda de um grande amor por ocasião da vida, ou seja, quando tudo termina da forma ais natural possível, previsto pelo comportamento humano. Neste caso se levam em consideração questões físicas e psicológicas que podem levar ao mais profundo sofrimento, seja ele longo ou curto. Quando um relacionamento termina para nunca mais ser retomado, a do também existe por causa da grande sensação de pera, até meso nesses casos mais delicados.

Por isso, a dor por acaso não deve ser comparada com aquela causada pela morte de um grande amor, já que para a mesma já não ha mais jeito ou volta. Quando perder se torna algo cotidiano, a dor é passageira em muitos casos, e o trabalho a ser feito no coração é algo muito menso complicado, fácil de ser fazer reparos. As cicatrizes se tornam muito mais leves do que aquelas que ficam apos a morte de quem realmente se ama.

O Tempo é a Cura

Para toda a perda uma cura e que faz isso é o tempo. O tempo é o melhor remédio para curar feridas caudas pela dor de perder um grande mor, por maior que ela seja. O tempo assim, se torna um agente poderoso no combate a todas as cicatrizes pela alma, ajudando o ser humano a conviver e se acostumar com o sofrimento, seja ele qual for. Não importa a situação de perda em que você se encontra, com o tempo tudo é passageiro, assim como um trem na estação.

O Tempo é a Cura

O Tempo é a Cura

Essa metáfora é muito usada para acomodar e aconselhar aquelas que sofrem pela perda de uma pessoa extremamente especial, amada em uma eternidade que só elas sabem como funciona. As vezes, a própria eternidade é relativa e até que venha um outro amor para preencher o vazio que ficou, o tempo é quem se compromete a cuidar de tamanhas almas perdidas pelo mundo. Ele quem ensina como se deve conviver com a dor, por maior que ela seja. Portanto, ao esperar a vida acontecer, quando se menos se espera, o sofrimento já faz parte das suas lembranças e não pode ser mais o grande vilão do coração.

Sera Possível Esquecer um Grande Amor?

A palavra esquecer é sempre forte e quase nunca realiza seu sentido mais intrínseco. Nunca é possível esquecer totalmente um grande amor. Um cheiro, um momento e até mesmo um gosto pode mexer com os mais profundos locais da memoria. Por este motivo, um grande amor sempre vai ter um lugar especial dentro da mente e do coração, sem sentir dor alguma apos a menor ou maior das lembranças. Cair no esquecimento é sempre uma forma de aceitar que o sofrimento pode parara de acontecer. Mas, ao lembrar, um grande amor sempre estará por perto.

Dessa maneira, muitos daqueles que sofrem pela perda podem sentir um breve momento de felicidade por se recordar daquilo que foi bom e não pode voltar. Assim, aprende-se a aceitar que o cainho para a vida ainda esta em sua frente e precisa ser seguido até o final, independente de um outro ser humano. Vale a pena refletir sobre essa questão em qualquer um dos casos de perda.

Escrito por Jessica Monteiro da Silva

Gostou? Curta e Compartilhe!

Categoria(s) do artigo:
Frases

Artigos Recentes

Artigos Relacionados


Artigos populares

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.